Monumento a Camões e Jardim-Horto de Camões

MonumentoCamoes

Virado ao Zêzere, como que olhando o correr das águas a caminho do Tejo, Camões parece ter aqui ficado, sempre jovem, desde os tempos em que terá vivido em Punhete (agora Constância). Quem o visita, muitas vezes faz-lhe carinhosamente um afago ou deixa-lhe flores.

O monumento, de mestre Lagoa Henriques, foi inaugurado pelo presidente da República, gen. Ramalho Eanes, em 1981.

JardimHortoCamoes

O Jardim-Horto, desenhado pelo arq.º Gonçalo Ribeiro Teles, foi inaugurado pelo presidente da República, dr. Mário Soares, em 1990. Reúne toda a flora referida por Camões na sua obra, num total de 52 espécies. No seu interior o visitante pode apreciar ainda o Jardim de Macau, o Planetário de Ptolomeu no Auditório ao ar livre e um painel de azulejos que apresenta as partes do mundo que Camões percorreu, de Lisboa a Macau, passando por África e pela Índia. A enorme esfera armilar, a maior de Portugal, assinala os 500 anos dos Descobrimentos Portugueses, que o épico imortalizou em Os Lusíadas, e o caráter universalista da nossa cultura.

É, sem dúvida, um dos mais vivos e singulares monumentos erguidos no mundo a um poeta.

PREÇÁRIO

Adultos: 1,50 €
Jovens dos 10 aos 17 anos: 1 €
Estudantes: 1 €
Terceira idade (a partir dos 65 anos): 1 €
Crianças até aos 9 anos: gratuito

Preços para escolas, por favor contacte o Posto de Turismo.

HORÁRIO

segunda a sexta-feira: 09h00 às 12h30 e das 14h00 às 17h30
sábados, domingos e feriados: 14h00 às 18h00

CONTACTOS

telefone: 249 730 052
fax: 249 730 289
e-mail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

AGENDA

NOTÍCIAS

facebook2twitter orange peqicon instagram-01 - Cópiarss orange - Cópiarss orange - Cópia

Esta página requer cookies para o seu bom funcionamento. Para mais informações consulte a politica de cookies. Politica de cookies .

Aceitar utilização de cookies
Politica de cookies